Etapa 4 / 1 de Junho

163 Km / 1140 m (D+)

O Alentejo profundo, com as suas paisagens únicas serão a marca desta etapa. O perfil aparentemente plano desta etapa é no entanto contrariado ao longo dos quilómetros percorridos neste dia em que os participantes testemunharão na primeira pessoa o falso mito de que o Alentejo é plano. Um constante sobe e desce, sempre enquadrado pelos sobreiros e pelas searas que pintam os horizontes a perder de vista levam os participantes até Ervidel. Neste ponto a etapa termina o seu trajecto na N2 para fazer uma pequena ligação de 14 kms até à unidade de alojamento que acolherá todos os participantes e o Staff da prova.